Conexão 91 – 06/01/2020

EUA x Irã = O fim de semana foi de muita tensão na política internacional. Após um ataque dos EUA na quinta-feira (2) matar o general Qassem Soleimani, 2º homem mais poderoso do Irã, Trump e iranianos iniciaram uma guerra verbal cheia de ameaças de vingança, retaliação e uso da força. No Irã, as ruas foram tomadas para o funeral do militar, enquanto o governo rompeu o acordo nuclear. EUA e Irã mantêm rivalidade por décadas No Iraque, local onde o general foi morto, o Parlamento aprovou uma resolução pedindo a retirada de tropas estrangeiras do país. Trump reagiu e disse que os EUA só deixam o país se o Iraque pagar pela base militar. Além disso, o presidente americano também ameaçou impor sanções econômicas contra Bagdá. Em meio a esse cenário, líderes mundiais buscaram diálogo para evitar uma escalada entre Estados Unidos e Irã.

Crise na Venezuela = O deputado Luis Parra, aliado do governo, foi anunciado por Nicolás Maduro como o novo chefe do Congresso Nacional da Venezuela ontem. A oposição, liderada pelo autodeclarado presidente Juan Guaidó, acusa a votação de ser um “golpe no parlamento”. Os opositores afirmam que a votação não teve votos ou quórum necessário porque Juan Guaidó e os parlamentares contrários a Maduro foram impedidos de entrar na Assembleia Legislativa no momento do pleito. Eleito na Venezuela mudou de lado e é suspeito de corrupção. Parlamento era último reduto não controlado por Maduro. Pelo Twitter, Guaidó afirmou que ele e um grupo de parlamentares estavam sendo impedidos por policiais e militares de entrarem no Palácio legislativo no momento da votação. Maduro classifica Guaidó como um fantoche dos Estados Unidos e diz que os problemas econômicos do país são decorrência das sanções de Washington, que proíbe que empresas norte-americanas comprem petróleo do país ou façam negócios com o governo.

Juros e cheque especial = Começa a valer a partir de hoje o limite de 8% para a taxa mensal de juros do cheque especial e também novas regras que permitem a cobrança de tarifa pelos bancos para disponibilizar esse crédito. A cobrança de tarifa só será permitida nesse primeiro momento para novos contratos. Para quem já tem cheque especial, a mudança nas regras passará a valer a partir de 1º de junho. Quem tem até R$ 500 de limite no cheque especial não poderá ser cobrado por isso. Quem tiver mais pagará até 0,25% sobre o valor que exceder esses R$ 500. A tarifa poderá ser cobrada até mesmo se o cliente não utilizar o limite do cheque especial. Alguns dos principais bancos do país anunciaram que irão isentar seus clientes. Outros informaram que não irão cobrar a tarifa nesse primeiro momento.

Concursos = Pelo menos 216 concursos públicos no país estão com inscrições abertas hoje e reúnem 26.687 vagas em cargos de todos os níveis de escolaridade. Os salários chegam a R$ 20.458,48 na Prefeitura de São Sebastião do Paraíso (MG). Além das vagas abertas, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

Globo de Ouro = Em uma noite com prêmios bem divididos, o Globo de Ouro anunciou nesta madrugada os vencedores de sua 77ª edição, em Los Angeles. Promovida pela Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood (HFPA, na sigla original), a disputa dá largada à temporada de prêmios. Joaquin Phoenix leva o Globo de Ouro por ‘Coringa’. Entre as séries, “Sucession”, “Fleabag” e “Chernobyl” ficaram com dois prêmios cada; As eleições nos Estados Unidos em 2020 e os incêndios na Austrália foram lembrados durante discursos, com destaque para os de Patricia Arquette e Michelle Williams; A noite teve homenagens às carreiras de Ellen DeGeneres (com muitas piadas sobre o tempo que teria para falar) e Tom Hanks (emocioado ao ver sua família perto do palco); Pela primeira vez após 52 de parceria, a dupla Elton John e Bernie Taupin ganhou um prêmio juntos. Eles levaram por melhor música para filmes com “(I’m Gonna) Love Me Again” (de “Rocketman”); Diretor do melhor filme estrangeiro, o coreano Bong Joon-ho foi incisivo: “Assim que você romper a barreira da legenda, você será apresentado a muitos mais filmes incríveis”.

Carnaval 2020 = Aline Riscado está de volta à Sapucaí. E em grande estilo. A atriz e bailarina, revelada há dez anos no balé do Faustão, faz sua entrada triunfante no carnaval de 2020 como rainha de bateria da Vila Isabel. Aline ocupa o cargo deixado pela apresentadora Sabrina Sato, que reinava desde 2011. E entre a resistência da comunidade e uma suposta compra do cargo, Aline garante estar tranquila para brilhar sem ressentimentos. “Falaram muito que pagaram para eu ocupar esse cargo. Só que sempre fui contra essa coisa de pagar para ser rainha de bateria. Acho que não tem necessidade”, afirma Aline. “É claro que, se você puder ajudar a escola com dinheiro, se houver necessidade, não custa nada. É uma troca.” Aline posou para um ensaio exclusivo inspirado no enredo da Vila, que vai contar a história de Brasília através de uma lenda indígena.

Hoje 06 de JANEIRO É Dia de Reis, do Mensageiro, do Astrólogo e da Gratidão

FONTES G1/APONARTE – FERREIRA JR – CONEXÃO 91

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *