Destaques do Programa Conexão 91 – 11/07/2019

Mudanças na aposentadoria = A Câmara dos Deputados aprovou na noite de ontem, em primeiro turno, por 379 votos a 131, o texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC) de reforma da Previdência, que altera as regras de aposentadoria. Para concluir a votação, os parlamentares ainda precisam analisar emendas e destaques apresentados pelos partidos para tentar alterar pontos específicos da proposta. Um destaque que pretendia mudar as regras para professores já foi rejeitado ontem. A Câmara tem três sessões extraordinárias hoje para concluir a análise. A primeira sessão está marcada para as 9h. Há outras duas, às 13h e às 19h. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, quer, no entanto, reunir os líderes para organizar a votação dos destaques.

Segurados do INSS = Os segurados do INSS que recebem seus benefícios por meio de conta corrente, conta poupança ou cartão magnético precisam comprovar que estão vivos para continuar a ter os valores pagos. Esse procedimento, que passou a valer em 2012, deve ser feito a cada 12 meses. O objetivo é evitar pagamentos indevidos e fraudes.

Moradia x Inflação = Os preços relacionados à habitação subiram mais que o dobro da inflação oficial desde a implantação do Plano Real, há 25 anos. É o que apontam os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), responsável pela apuração do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), indicador que mede a inflação oficial do país. Inflação oficial fica em 0,01% em junho, a menor taxa do ano. Minha Casa Minha Vida completa 10 anos com queda nas contratações.

Comércio = O IBGE divulga dados de maio do comércio para maio. Em abril, as vendas caíram 0,6%, na comparação com o mês anterior, pior resultado para meses de abril desde 2015 (-1%) e também a primeira contração para o mês em quatro anos.

Armando a polícia = Após decretos do presidente Jair Bolsonaro autorizarem órgãos de segurança pública a importar armas e munições, mercado até então restrito ao monopólio da indústria nacional, a Polícia Militar de São Paulo começou processo para adquirir fuzis e cartuchos do exterior. A expectativa do governo é pagar até 50% menos pelos projéteis usados em relação ao que gasta atualmente pelos adquiridos no Brasil. Fabricantes de EUA, Suíça e até China participam do processo. O governo paulista paga R$ 5 por cartucho nacional que é vendido por R$ 1,90 em Miami.

Feminicídio = O economista Chateaubriand Bandeira Diniz Filho, de 51 anos, foi condenado a 30 anos de prisão, em regime fechado, por matar a facadas a companheira Mariana Marcondes, em setembro de 2016. O julgamento terminou no final da noite de ontem, no Fórum Criminal da Barra Funda, na Zona Oeste de São Paulo. Ele foi considerado culpado por feminicídio.

Feira Literária de Paraty = Dois autores africanos discutem dores da guerra e da imigração; autoras best-sellers debatem sobre a escolha de não ser mãe e a crueza das relações modernas; e um passeio pelo rastro de lama e destruição deixado em Brumadinho e Mariana são os principais destaques desta quinta-feira, segundo dia da 17ª Festa Literária Internacional de Paraty (Flip). Walnice Nogueira Galvão faz crítica social ao homenagear Euclides da Cunha na abertura da festa.

Loteria = O concurso 2.168 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 7,5 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) em São Paulo (SP). Excepcionalmente, são realizados três concursos nesta semana, como parte da “Mega Semana de Férias”.

Carnaval no Rio = A Liga Independente das Escolas de Samba do Rio, Liesa, “desvirou a mesa” do carnaval carioca e confirmou o rebaixamento da escola de samba Imperatriz Leopoldinense, após reunião ontem à noite.

Missão cumprida = A sonda espacial japonesa Hayabusa2 fez hoje seu segundo pouso em um asteroide localizado a 244 milhões de quilômetros da Terra para coletar amostras subterrâneas que fornecem informações sobre a origem do sistema solar. Foi uma das missões mais importantes do veículo espacial, que está programado para retornar à Terra no próximo ano com as amostras coletadas no asteroide Ryugu.

Times do funk = O funk está em temporada de contratação nas últimas semanas. A disputa entre as duas maiores empresas do estilo em São Paulo, Kondzilla e GR6, desencadeia uma corrida para reforçar o plantel de cantores de cada escritório. Reforços no plantel das empresas incluem Lexa, Fioti, WM, Jhowzinho e Kadinho. Eles fortalecem times de Livinho e Kekel.

Futebol = Copa do Brasil – Quartas de final – 20 horas: Cruzeiro x Atlético-MG

Mortes/ Grécia = Ao menos seis turistas estrangeiros que estavam de férias no norte da Grécia morreram devido às fortes tempestades de granizo e tornados, que deixaram ainda 30 feridos na região de Calcídica nesta quarta-feira (10), informou a polícia local. “Seis turistas morreram e ao menos 30 pessoas ficaram feridas com este tornado”, disse Charalambos Steriadis, responsável pela Defesa Civil no norte do país. O tornado durou cerca de 20 minutos, segundo testemunhos dados à rede estatal de televisão ERT. Um casal checo morreu na localidade de Propontida, quando o motorhome em que viajava foi arrastado pelos fortes ventos, de acordo com a polícia. Em Kassandra, a 70 km de Tessalônica, segunda cidade da Grécia, um homem russo e o filho de dois anos perderam a vida na queda de uma árvore em um hotel e uma mulher morreu atingida pelo desmoronamento de um teto de um prédio, segundo as fontes oficiais. De acordo com a televisão estatal ERT, um menino estaria morto e um pescador estaria desaparecido, mas a fontes oficiais não confirmaram estas informações.

“Foi algo inédito”, com “ventos muito fortes” e “violentas tormentas de granizo”, disse o responsável da Defesa Civil. Dezenas de feridos leves foram levados a hospitais, informaram as autoridades. Segundo a ERT, foi declarado estado de emergência na região de Calcídica, para onde foi o Ministro da Proteção do cidadão, Michalis Chryssohoidis, para acompanhar as operações dos bombeiros. Grécia, onde temperaturas de até 37ºC foram registradas nos últimos dois dias, foi atingida nesta quarta por fortes rajadas de ventos e chuva de granizo, principalmente no norte do país.

Curitiba = Um laudo analisado pela Comissão de Segurança de Edificações e Imóveis (Cosedi) da Prefeitura de Curitiba, concluiu que não houve dano estrutural no prédio do apartamento em que houve uma explosão com a morte de uma criança, no final de junho. O documento foi emitido por um engenheiro contratado pelos responsáveis pelo prédio e foi protocolado nesta quarta-feira (10). O Cosedi analisou o laudo e informou que a interdição do imóvel será mantida até que sejam concluídos os serviços de recuperação dos estragos causados pela explosão.

Motorista é condenada a pagar indenização de R$ 100 mil = A motorista envolvida em um acidente que matou dois homens na Avenida Dez de Dezembro, em Londrina, no norte do Paraná, foi condenada a pagar R$ 100 mil de indenização à família de uma das vítimas. O processo pedindo indenização foi proposto pela esposa e três filhos de Eliede dos Santos. O juiz da 1ª Vara Cível entendeu que o falecimento do companheiro e do pai dos autores do processo não se traduz em mero aborrecimento, não é normal do dia a dia, e que abalou a família.

Mortes por gripe no Paraná = O Paraná chegou a 77 mortes por gripe em 2019, conforme boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado nesta quarta-feira (10). Desde janeiro, 374 casos relacionados ao vírus Influenza foram confirmados. No boletim anterior, de 4 de julho, o número de mortes registradas era de 74. Em média, neste ano, uma pessoa morreu por gripe a cada dois dias e meio no estado. Enquanto que o Paraná tem mais de 18 mil casos confirmados de dengue.

Por falta de troco, preço da refeição nos restaurantes populares de Curitiba é reajustado = A Prefeitura de Curitiba aumentou, nesta quarta-feira (10), em R$ 0,20 o preço das refeições nos restaurantes populares da cidade. Com o reajuste, que representa uma alta de 7%, as refeições passam a custar R$ 3 por pessoa. Segundo a prefeitura, o reajuste foi feito por causa da falta de moedas para dar troco aos usuários dos restaurantes. De acordo com o secretário municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, Luiz Gusi, a falta de troco gerava filas nas cinco unidades da cidade e isso fazia com que centenas de pessoas deixassem de ir aos restaurantes.

3 t de carne transportadas de maneira inadequada são jogadas em aterro = Três toneladas de carne, transportadas de maneira inadequada, foram jogadas em um aterro sanitário de Mandaguari, no norte do Paraná. A carne estava em um caminhão baú e foi aprendida pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-376. O veículo não tinha câmara fria, e o motorista também não portava a nota fiscal dos produtos. Ele não foi preso e disse que levaria os produtos pra Londrina.

Clima/ Preços = As baixas temperaturas e a geada que atingiram cidades da região de Curitiba causaram prejuízo em lavouras de hortaliças, segundo produtores. Os danos às produções motivam aumento nos preços dos produtos aos consumidores.

Em São José dos Pinhais, o produtor Hamilton Possebom, que planta hortaliças em uma propriedade rural de 11 hectares, conta que perdeu parte da produção por causa dos danos. “Essa aqui está tudo perdido. Temos que aguardar brotar de novo daqui 20 dias, até 30 dias, para começar a colher de volta. As plantas jovens até resistem um pouquinho mais, mas as plantas adultas, perdem de 95% a 100%”, disse o produtor. Em uma semana, segundo dados da Central de Abastecimento (Ceasa), o preço da caixa de alface passou de R$ 12 para R$20. Aumento de 66%. O morango também registrou alta de preços após as geadas, de R$ 12 para R$ 16, a caixa. Segundo os produtores, as flores da ruta queimaram e, sem elas, não se produz novos frutos. Também houve aumento no preço de uma caixa de brócolis, segundo dados da Ceasa. A elevação foi de R$ 12 para cerca de R$ 20. A abóbora, o chuchu e a vagem tiveram reajustes de mais de 100% em uma semana. Os preços da couve-flor e da alface crespa aumentaram em mais de 50%, conforme a Central de Abastecimento.

Dengue no Paraná = O boletim semanal da Secretaria de Estado da Saúde (SESA) revela que mais um município do Noroeste do Paraná atingiu índice de epidemia de dengue, Terra Rica. Estão na mesma situação Amaporã, Cruzeiro do Sul, Loanda, Nova Londrina, Paranapoema, Paranavaí, Porto Rico, Santa Isabel do Ivaí e São Carlos do Ivaí. As informações da Sesa, atualizadas na semana passada, apontam para 1.578 casos confirmados da doença em toda a região, com três mortes. Porém, números mais recentes dão dimensões mais preocupantes ao cenário. De acordo com o boletim da Sesa, o Paraná soma 18.779 casos positivos de dengue, com 21 mortes provocadas pela doença. Os óbitos foram registrados nas seguintes regionais: Foz do Iguaçu (dois), Cascavel (quatro), Paranavaí (três), Maringá (dois), Londrina (nove) e Cornélio Procópio (um).

Tamboara = A 1ª Promotoria de Justiça de Paranavaí, cumpriu nesta terça-feira (9), mandado de busca e apreensão na Prefeitura de Tamboara, município integrante da comarca. Segundo o Ministério Público (MP), o mandado foi cumprido no âmbito de investigação relacionada à denúncia de uso de maquinário e de servidores públicos em propriedades particulares, o que configura prática ilegal. Ainda de acordo com o MP, Antes de requerer ao Juízo os mandados de busca e apreensão, a Promotoria de Justiça buscou resolver a situação de forma extrajudicial, expedindo dois pedidos de informações à Prefeitura sobre os fatos. No entanto, não houve resposta por parte dos agentes públicos. “Durante o cumprimento dos mandados, foram apreendidos documentos relacionados aos serviços prestados no local denunciado e ouvidos quatro servidores públicos. A partir das informações colhidas, a Promotoria de Justiça prosseguirá com as investigações no sentido de verificar a legalidade dos serviços prestados, bem como a omissão do prefeito em responder aos questionamentos do MPPR”, explicou a assessoria de imprensa do Ministério Público do Paraná.

Fontes: Portais/Sites/ Da Redação – Ferreira Jr. – Programa Conexão 91

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *